Sistema OCB/TO realiza levantamento do cenário atual das cooperativas tocantinenses

/ /

Comparando o número de funcionários em dezembro de 2019 e março de 2020, observou-se que não houve demissões em escala

Levantamento realizado entre os dias 13 e 20 de abril, pelo Sistema OCB/TO, com 20 cooperativas registradas mostra que mediante o isolamento social, 70% das cooperativas revelaram que não pararam por completo suas atividades, mas se caso o período se estenda até o dia 15 de maio, 40% acredita que o faturamento anual poderá ficar comprometido em mais de 30%.

A pesquisa foi realizada em meio a pandemia, ocasionada pelo novo coronavírus (COVID-19) e tem por objetivo revisar estratégias de apoio e atendimento, neste período, e poderá contribuir para articulações com Governos Federais e Estaduais e ainda instituições financeiras, a fim de diminuir os impactos na realidade cooperativista tocantinense. Além disso, informações coletadas vão ser usadas para a reavaliação e reformulação do plano de atividades do SESCOOP/TO 2020/2021.

“Buscamos entender a realidade das cooperativas para que possamos nortear as ações a serem realizadas daqui para frente. A partir desse levantamento poderemos atender de forma mais assertiva as necessidades de cada uma”, afirma a Superintendente do Sistema no Tocantins, Maria José.

Sobre as expectativas da cooperativas do estado do Tocantins para a normalidade plena dos negócios, 60% estão confiantes que a situação se normalizará no segundo semestre.

Clique aqui e confira!

Ascom Sescoop/TO